Sexo entre irmãos

Conto erótico, incesto com irmã

Meu nome é Gylherme, na época que ocorreu o lance tinha 116 e minha irmã Ana tinha 113, eu tenho de pele caucasiana escuro, cabelos castanhos, um pouco sarado 1.73m 65ks meu pau tem 13cm. Ana tem pele caucasiana clara, cabelos ruivo a laranjado, tem tipo de corpo oito com 1.65m 59ks, bumbum médio a redondo e peitos médios.
Tudo começou numa manhã de verão nos ficamos sozinhos em casa enquanto nosso pais trabalham, pois estávamos de férias. Eu acordo Ana por volta de 8 ou 9 da manhã, nós tomamos café e fazemos o que quiser soque de lados apostos. Estava um dia lindo na rua, Ana inventa de tomar banho de sol só de biquíni perto da piscina no pátio de trás onde fica cercado e ninguém da rua pode vê-la, eu estava na sala de cima jogando vídeo game só de bermuda, tinha uma sacada lá na sala dando para o pátio de trás da casa onde eu conseguia ver Ana, eu sempre deixo uma das portas da sacada fechada para ver melhor a tv, também Ana não consegue ver que estou batendo punheta por ela. Nós sempre passávamos o dia assim, mas eu acho que ultimamente Ana já notou isso, pois Ana começou desamarra a parte de cima do Biquíni, que me deixa com um gosto de ver aqueles peitos médios, minutos depois Ana abaixa a parte de baixo do biquíni para não deixar marquinha no bumbum, Pó! Mas que bumbum gostoso aquele que me fez ficar de pau duro, como ela estava de lado não conseguia ver buceta dela mas vi que as vezes ela levava uma mão a buceta dela, e tampa a cabeça com chapéu ou uma toalha e acho que ela se masturba também.
Chega meio dia Ana bota seu biquíni e se enrola na toalha e vai fazer comida para nós. Eu me agito melhor e ponho a cadeira mais para perto da tv. Daqui apouco Ana aparece com um prato para min, na maioria das vezes ela só me chama e comemos lá embaixo, hoje Ana decide então comer ali comigo e fica no sofá atrás de mim, depois de Ana comer ela tira a toalha é pedi pra mi se pode jogar enquanto eu almoço, eu deixo Ana jogar, Ana senta na cadeira que eu estava sentado e fico no sofá atrás dana, Ana decide vira a cadeira ao contrário, daí pra mim vem uma cena incrível daquele bumbum que me deixo de pau duro e tentei esconde com uma almofada, mas Ana nem olha pra mim, só empinava mais aquele bunda então resolvi bater uma ali só que na encolha, quando daqui a pouco Ana pede:
– Mano, pode me ajudar aqui, eu não estou conseguindo.
Então sem perder tempo faço que nem no filme Ghost, sento na cadeira e começo a encoxar a Ana, mesmo de pau duro, ponho minhas mãos junto com as dana no controle e encosto a cabeça no ombro de Ana, enquanto eu mostrava a Ana, ela começa a movimentar o bumbum para se encachar no meu pau, em seguida quando acha o encaixe fica subindo e descendo o bumbum, eu fico mais duro ainda. Terminei de explicar, quando eu fui sair Ana olhou para mim enquanto segura minha coxa:
– Não vai não, fica aqui mais um pouco, para me explicar mais.
Não pude dizer não aquela cara de santa Então eu fique encoxando Ana mais um pouco. Passa um tempo Ana ganha uma missão no jogo esse alegra e levanta e vira para mim e meda um beijo meio que selinho, Ana diz:
Ana – o que? Nunca beijo antes?
Eu – sim já beijei antes.
Ana – mas eu não
Eu – vc inda e bv e virgem?
Ana – sim, é difícil perder com as amigas que tenho.
Eu – am?
Ana – eu sou hetera.
Ana beija melhor e me empurra para o sofá, abre as pernas e sobe em cima de mim, começa e se esfregar sobre minha cintura, enquanto me beija, tento desamarrar seu biquíni enquanto ela tenta desamar minha bermuda, eu consigo desamar, daí vem aqueles peitos redondinhos que sem quis conhecer comecei a chupar, lamber e morder sem parar, ana para e começa a olhor para as janelas e porta
– Melhor nos fechar esse lugar.
Eu concordo e Fui fechar a porta, enquanto desamarrava minha bermuda e Ana fechava as janelas, rapidamente voltei para o sofá, Ana me deu um beijo e começou e tira minha bermuda e lá estava eu nu e de pau duro para ela. Daí ela começa a pagar um boquete para mim, ela chupava de cima para baixo até as bolas que estava tudo raspado, aquela língua subia lambendo meu pau. Enquanto isso a maciava seus peitos.
Ela levanta e fica parada na minha frente com dedo na boca, mão não cintura e com um sorrisinho safado, eu com as duas mãos pego nos lados do seu biquíni de baixo e desamarro e aquilo cai e rapidamente se vira e se senta na cadeira de pernas abertas totalmente nua e diz me chupa. E começo assaboreara aquela buceta usando os dois dedos e lambendo bem rápido o clitóris enquanto ela gemia gostoso, aqueles gemidos anjo.
Mas eu não poderia perder eu também era virgem. Ela levantou e voltamos para o sofá e começamos. Ana subiu em mim é prestes a colocar e disse para ir um pouco devagar, Ana encaixou no meu pau e começou a cavalgar sobre mim enquanto a aqueles peitos passavam sobre minha boca, para cima e para baixo. e ouvia de novo aqueles gemidos soque ainda melhores.
Pequei Ana e joguei para deitar no sofá de barriga para cima e coloquei suas pernas para o auto enquanto fodia sua buceta, botei seus pés nos meus ombros e comecei a chupar e lamber com língua os pés de Ana, enquanto ela ria e gemia a mesmo tempo, era muito lindo aquilo. Quando eu ia gozar tirei rapidamente meu pau e gozei na barriga dela.
Logo nos limpamos com a toalha dela, nos deitamos no sofá, ficamos nos beijando e jogando vídeo game, dois irmãos nus se amando como um casal. Daqui a pouco eu enfio meu pau nela daí ela vem para mim com aquela cara de santa com sorrisinho:
– Está um calor não acha? Quer tomar banho de piscina?
Claro que eu aceito aquele gosto pedido, então fomos lá para baixo totalmente nus enquanto ela segurava minha mão e eu olhava para aquela bunda que ficava rebolando me deixa de pau duro até lá. Nos se jogamos na piscina, eu pequei meu óculos de mergulho e fiquei vendo aquela seriai linda embaixo d’água rebolando nadando só para min e ainda nua e sem pelos nenhum, eu puxo Ana até mim e fico beijando ela enquanto ela pega no meu pau, ela se joga em cima de mim e começamos e foder ali de em pé, ela subia e descia no meu colo dentro d’água, quando sem querer meu pau entra no cu dela ela arregala os olhos e logo sorri para mim e continua a subir e descer só que agora estava fodendo aquele cu aperta doce e virgem nos gemíamos e gritávamos como loucos, eram duas crianças. Ana pedi para eu vira-la e comer ela de costas, meu continua vá no cu dela eu segurava Ana pelos seus peitos, enquanto Ana boiava na agua. Logo fiquei cansado e botei ela para se escarar na parede da piscina e dessa vês e comecei e enfiar e foder ela, pois no certo ela estava me fodendo, comecei devagar depois fui aumentando e trocando de buraco rapidamente, Ana gemia muito alto. Avisei que ia gozar nós tiramos, ela foi para baixo d’água e enfio a boca no meu pau e voltou para cima com a boca cheia de goza é engoliu tudo na minha frente, voltamos a beijarmos na piscina.
Logo depois fomos tomar banho e ficamos nos beijando no chuveiro enquanto um limpa o outro com a língua, foi mais um sexo oral no chuveiro. Lambe a buceta dela, Ana bagou um boquete depois limpei o cu dela e enfiei minha língua nele sem do, enquanto ela gemia, depois ela me fez outro boquete e gozei tudo na boca dela.
Terminamos o banho e fomos para os nossos quartos e botamos uma roupa. Mais tarde nossos pais chegaram agimos normalmente. Logo por volta de meia noite meu pai e minha mãe já tinham ido dormir estava eu e minha irmã na sala, Ana estava usando uma camisa que ia até cintura ela fica muito sex com aquilo afez quando ela senta ou agacha dá para ver sua linda bunda eu fico louco com aquilo. Eu usava uma bermuda, eu ficava olhando para aquela bunda que estava no outro lado do sofá de 3 lugares, ela sentava com uma aperna sobre o sofá que assim podia ver perfeitamente sua calcinha de renda fina que podia ver sua buceta saindo pelos lados, cheguei mais perto de minha irmã comecei a cariciar sua coxa, ela não tirava a atenção da tv ficava firme com um sorrisinho safado, agitei sua calcinha e enfiei meus dedos em sua buceta ela gemeu sem som, deitei no sofá, infiel minha cabeça no meio de sua perna e comecei a lamber sua buceta, assim mesmo ela gemia sem sair nenhum som. Quando escutamos um som de passos me jeito rapidamente era minha mãe descendo para pegar seu telefone, rapidamente ela voltou para o quarto eu a lamber minha irmã, logo comecei atira a calcinha de Ana com a boca pequei e imitei um cachorro descendo do sofá Ana abriu as pernas e fez sinal de vem, então voltei a chupar sua buceta gosta e molhadinha para mim, lambi seu clitóris como rapidez que Ana chegou a assegurar minha cabeça e morder uma almofada para a abafar seus gemidos. Eu cansei, Ana pegou na minha bermuda e puxo até o sofá enquanto ela descia do sofá, eu queria modo cachorrinho, segurei ela de tirar minha bermuda e fiz sinal de cachorro com a cara ela sorriu e pegou com a boca minha bermuda e cueca e puxou até pular meu pau bem dura para ela, ela saiu de quadro e deu uma volta com a língua de fora imitando um cachorrinho de alegria enquanto rebolava aquela bunda para mim. Volto começou alambre meu pau sem usar as mãos, chupou e quando quase estava para gozar ela para e faz sinal com a cabeça de vem, E foi saindo de quatro, desliguei a tv enquanto botava minha bermuda e comecei a seguir ela de quatro e olhando para aquele rabo gosto, deliguei as luzes, Ana subia na minha frente as escadas as vezes tentava lamber sua buceta, ela ficava doida e acelerava o passo, lá encima prestes a entrar no quarto ela virou para mim e disse no meu ouvido:
– Mano, tranca a porta do seu quarto e fecha tudo e vem para o meu quarto.
Claro que fiz o que ela pediu, e corri para o quarto ela estava ela nua de lada com mão encostando a cabeça, seu corpo dizendo bem auto vem logo. Tirei minha bermuda tranquei a porta, agarrei Ana é comecei a meter em sua buceta enquanto a beijava sua boca loucamente, lambi seus peitos, as vezes cuidava para não fazer tanto barulho fizemos tudo lentamente. Virei ela de lado, comi eu de lado, de costa, deitei ela começou a cavalgar, botei ela de novo na posição inicial. Falei que ia gozar, Ana me deitou e começou a chupar meu pau e a goza, ela caiu sobre mim e começamos a nos beijar e dormimos assim juntos

Comendo a irmã irmãos incestuosos sexo entre irmãos

6 meses ago

Deixe uma resposta

Aguarde o carregamento do vídeo.......

Assistir filmes porno   Arquivoporno